Fique por dentro das novidades e saia na frente

Receba e-mails semanalmente com novidades.

 

 

Aprenda quais as principais diferenças entre lucratividade e rentabilidade

Postado por Márley Nolêto

Postado em 15/08/2015 00:30:00


É comum a confusão de alguns termos dentro das organizações. Uma dessas confusões, que pode atrapalhar um negócio, é a diferença entre rentabilidade e lucratividade. Como esses dois conceitos podem ser definidos? O que os diferencia? Que análises podem ser feitas a partir de cada um deles? Vamos responder essas questões no artigo de hoje.

A diferença entre lucratividade e rentabilidade

De maneira geral, a lucratividade de um produto ou serviço ou, ainda, de uma empresa é apresentada pela diferença entre seu preço de venda e os custos envolvidos na venda, que são compostos pelo custo da compra, impostos, fretes, entre outros. A rentabilidade, por sua vez, apresenta a relação entre o lucro obtido com as vendas e o investimento que foi feito no estoque inicial desse determinado produto.

O entendimento desses dois conceitos parte da organização da empresa como um todo e da utilização da Demonstração do Resultado do Exercício (DRE), que pode ser facilmente extraído do seu sistema de gestão online. Nessa demonstração, apresenta-se a Receita Bruta da empresa, que deverá ser deduzida por alguns itens como impostos, devoluções e abatimentos, apresentando-se assim a Receita Líquida.

Posteriormente, são deduzidas as despesas, que normalmente dividem-se em Administrativas, de Vendas e Financeiras com a apresentação do Lucro Bruto, que sofrerá o cálculo do Imposto de Renda da Pessoa Jurídica (IRPJ) e da Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido (CSLL).

Números mais precisos, tais como índices financeiros e outros índices personalizados podem ser obtidos por meio do uso de um sistema ERP online, fazendo com que a gestão financeira da empresa se torne mais simplificada.

Lucratividade

No cálculo da lucratividade, esse Lucro Líquido deve ser dividido pela Receita Líquida, apresentando-se o percentual de lucro que foi obtido com as vendas. Se uma empresa apresentar uma lucratividade de 7%, pode-se dizer que, de cada R$100,00 que ela vende, existe uma sobra de R$7,00 que representam lucro, lembrando que esse valor já está líquido de despesas e impostos.

Dessa forma, você poderá saber se determinado produto ou departamento está justificado ou se pode ser mantido, apresentando vendas suficientes para cobrir custos e despesas e ainda gerar lucro. No entanto, não há necessidade de se realizar qualquer tipo de cálculo, apenas analisar as informações. Para isso, basta que você tenha um sistema de gestão online, que fará todos os cálculos necessários.

Rentabilidade

O cálculo da rentabilidade é considerado um importante indicador de desempenho e representa o potencial do negócio para trazer retorno com base no capital que foi investido.

O cálculo é feito pela divisão do lucro da empresa em um determinado período pelo valor do investimento inicial, sendo que esse resultado em percentual representará a rentabilidade do negócio. Se uma empresa tinha o capital inicial de R$400.000,00 e apresenta um lucro de R$10.000,00, a divisão desse lucro pelo investimento representará 2,5%.

Para saber se a empresa é realmente rentável, é possível comparar esse percentual com juros pagos por aplicações financeiras ou, se possível, com outras empresas do mesmo ramo.

Lembre-se que é necessário conhecer profundamente seu negócio, bem como os diferentes termos que representam conceitos bastante distintos, como o de lucratividade e rentabilidade. Enquanto a primeira apresenta quanto a empresa teve de ganho imediato em um determinado período, possibilitando análises em curto prazo envolvendo estratégias de custos e preços, a outra apresentará o retorno sobre o investimento na organização, ou seja, uma análise de longo prazo, que determina se vale ou não fazer um investimento em um determinado negócio.

voltar